Estudos de gênero: mudanças e permanências nas relações de poder Vol. II

A coletânea “Estudos de gênero: mudanças e permanências nas relações de poder” surgiu da sugestão de autores de variadas áreas do conhecimento que se dedicam à compreensão de como as relações de poder que se estabelecem socialmente entre “masculinidades” e “feminilidades” influenciam praticamente todos os aspectos da vida. 

Dados do World Economics Forum (Forum Econômico Mundial), publicados em dezembro de 2019, demonstram que, globalmente, ao ritmo atual, serão necessários aproximadamente 100 anos para que se alcance a igualdade de gênero, que é um direito fundamental essencial para a consolidação dos Direitos Humanos. Por outro lado, os dados também apontam que a desigualdade é fator de atraso econômico e social, e que os países com maior igualdade de gênero são também os países com maior IDH: Islândia, Noruega, Finlândia e Suécia lideram a lista dos países com maior paridade. 

No relatório, o Brasil aparece na 92ª no ranking global, e ocupa a 22ª posição entre os 25 países da América Latina e do Caribe. Ou seja, apesar dos avanços conquistados nas últimas décadas, ainda há um longo caminho a percorrer, razão pela qual decidimos coordenar a elaboração de um livro dedicado aos diversos modos como os papéis e características atrelados ao gênero ainda são fator de desequilíbrio no acesso à vida política, à participação económica, ao direito à saúde e educação, enfim, ao lugar social das pessoas.

É uma honra para nós, da Editora Artemis, podermos presentear o leitor com o Volume II desta coletânea, que traz textos sobre o papel da arte na construção (e desconstrução) de conceitos normativos e estereotipados sobre identidade de gênero, sexualidade e sexo (Capítulos I e II), transexualidade feminina na condição de encarceramento (Cap.III), violência obstétrica no Brasil (Cap. IV), liderança feminina e desigualdade de gênero no contexto organizacional (Cap. V) e, finalmente, dois relatos de estudos sobre relações e percepções de gênero no contexto educacional (Cap. VI e VII). Todos estes estudos contribuem para uma melhor compreensão das práticas sociais que atribuem papéis e identidades distintos a seus diferentes membros e como estas práticas estão ligadas às relações de poder e desigualdade.


Desejamos a todos uma proveitosa leitura!

Bruna Bejarano 

Viviane Carvalho Mocellin

 

 

Estudos de gênero: mudanças e permanências nas relações de poder Vol. II

DOI: 10.37572/EdArt_140821415

ISBN: 978-65-87396-41-5

Palavras chave: Igualdade – Gênero – Brasil. 2. Mulheres – Condições sociais

Ano: 2021

Autores

  • ANNE LUISE PONTES CORDOVIL
  • BARTOLOMÉ PALAZÓN CASCALES
  • DINA MARIA MARTINS FERREIRA
  • DORINETHE DOS SANTOS BENTES
  • GABRIEL HENRIQUE DUARTE
  • GIOVANNA LOUBET ÁVILA
  • IKARO CÉSAR DA SILVA MACIEL
  • JOSÉ HELENO FERREIRA
  • LETICIA FAYOS BOSCH
  • LORENA RODRIGUES DE SOUSA
  • LUCIANA MOURÃO
  • LUCIMAR DOS SANTOS REIS
  • MARIA CRISTINA LOPES DE ALMEIDA AMAZONAS
  • MARIA INÊS DA SILVA
  • MARÍLIA FRAGA CERQUEIRA MELO
  • MARINA MAGALHÃES DE ANDRADE LIMA
  • MICHELE MARIANO RODRIGUES
  • NILMAR JOSÉ DA SILVA
  • ROSALICE LOPES
  • SABRINA BROMBIM ZANCHETTA