Aplicações e resultados práticos de um algoritmo fonológico-prosódico-silábico para português brasileiro

Discutem-se as últimas versões de ferramentas computacionais baseadas em um algoritmo fonológico-prosódico-silábico e suas aplicações práticas. Trata-se do conversor grafema-fonema (g2p) Nhenhém, do silabador fonológico-ortográfico Nhenhém Silabador (NhS) e do Nhenhém Fonoaud (NhF), programa computacional para suporte à fonoaudiologia e à alfabetização escolar via método fônico, os quais, a partir de um texto de entrada (input), fornecem uma saída tripla (output): a conversão grafema-fonema, a separação silábica em caracteres do alfabeto fonológico, a marcação da sílaba mais intensa de cada palavra. O algoritmo é totalmente baseado em regras linguísticas, extraídas de Camara Jr. (1996, 1997, 1977, 1975) e Scliar-Cabral (2003a), e reproduz eficientemente a correspondência grafêmico-fonêmica do português brasileiro. O NhS, tendo uma etapa bem definida de transcrição fonológica, que guia a separação silábica, dispensa etiquetação. O referido algoritmo é útil para estudar a sílaba e a prosódia da palavra, uma vez que a sílaba é a estrutura fonêmica elementar e, na decodificação dos grafemas, preserva-se a prosódia do vocábulo (acento primário), ainda, auxilia na clínica fonoaudiológica e na educação básica. A partir da análise de córpus são fornecidos os padrões silábicos do português brasileiro, considerando-se a frequência. Uma conclusão é que o tipo de discurso não influência profundamente os padrões silábicos dos textos em língua portuguesa. Na aplicação prática do NhF, acompanha-se a aquisição da fala de crianças pré-escolares e o aprendizado da leitura. Os resultados mostram as principais dificuldades das crianças e, assim, orientam a intervenção do professor.

Aplicações e resultados práticos de um algoritmo fonológico-prosódico-silábico para português brasileiro

DOI: 10.37572/EdArt_29012127915

Palavras chave: Sílaba; português brasileiro; ferramentas computacionais.

Keywords: Syllable; Brazilian Portuguese; computational tools.

Abstract:The latest versions of computational tools based on a phonological-prosodic-syllabic algorithm and their practical applications are discussed. They are the grapheme-phoneme (g2p) converter Nhenhém (Nh), the phonological-orthographic syllabator NhS, and NhF, a computer program to support the speech therapy and school literacy via the phonic method. From an input text, they provide a triple output: the grapheme-phoneme conversion, the syllabic separation in phonological alphabet characters, the marking of the most intense syllable of each word. The algorithm is based entirely on linguistic rules, extracted from Camara Jr. (1996, 1997, 1977, 1975) and Scliar-Cabral (2003a), and efficiently reproduces the graphemic-phonemic correspondence of Brazilian Portuguese. The NhS, having a well-defined stage of phonological transcription, which guides the syllabic separation, dispenses labeling. The algorithm is useful for studying the syllable and prosody of the word, since the syllable is the elementary phonemic structure, and, in grapheme decoding, the prosody of the word is preserved (primary accent). It also helps in the clinic speech therapy and basic education. From a corpus analysis, Brazilian Portuguese syllabic patterns are provided, considering the frequency. One conclusion is that the type of speech does not deeply influence the syllabic patterns of texts in Portuguese. In the practical application of NhF, children speech acquisition, and pre-school children reading learning are studied. The results show the main difficulties of the children and, thus, guide the teacher's intervention.

Autores

  • Vera Vasilévski