A IMPORTÂNCIA DO PROGRAMA PATRONATO DE PARANAGUÁ NA REINSERÇÃO DE EGRESSOS DO SISTEMA PENITENCIÁRIO NO MERCADO DE TRABALHO

O presente estudo é baseado em uma pesquisa bibliográfica que investiga o programa de reinserção social Patronato de Paranaguá e sua atuação na prestação de suporte aos egressos do sistema penal, situando-os no contexto da realidade social. O Programa Patronato tem como objetivo principal prestar serviços de acompanhamento técnico ao indivíduo que cumpre pena em regime aberto de forma individual, contando com uma equipe multiciplinar nas áreas de Administração, Direito, Serviço Social, Psicologia e Pedagogia. Apresenta-se o seguinte problema de pesquisa: como auxiliar nas práticas de empregabilidade a estes egressos no mercado de trabalho? Foram utilizados dados secundários através de pesquisa bilbiográfica em livros, artigos científicos e websites. Considera-se que o Patronato tem um importante papel de reinserção social de egressos, porém as práticas de políticas públicas são isoladas dificultando uma ação real e efetiva nas práticas da recolocação destes egressos junto ao mercado de trabalho e consequentemente junto à sociedade.Para auxiliar nas práticas de empregabilidade acredita-se que a ação do Patronato como o psicossocial seja um instrumento para auxiliar empresas no que refere-se ao recrutamento e seleção, pois permite as organizações receberem informações psicológicas e sociais do egresso, facilitando a confiança nos mesmos. Finalizando, toda a prática de política pública deve estar ligada em redes, para deste modo, facilitar os encaminhamentos, monitoramentos e ações no sentido de acompanhar o universo dos apenados e seus impactos junto a sociedade.

A IMPORTÂNCIA DO PROGRAMA PATRONATO DE PARANAGUÁ NA REINSERÇÃO DE EGRESSOS DO SISTEMA PENITENCIÁRIO NO MERCADO DE TRABALHO

DOI: 10.37572/EdArt_1253007208

Palavras chave: Patronato. Ressocialização. Egressos

Keywords: Patronato. Prisoners. Reinsertion

Abstract:The present study is based on a bibliographical research that investigates the social reintegration program Patronato de Paranaguá and its performance in providing support to prisoners of the penal system, situating them in the context of social reality.The main objective of the Patronato Program is to provide technical support services to individuals who are serving an open regime on an individual basis, counting on a multidisciplinary team in the areas of Administration, Law, Social Work, Psychology and Pedagogy. The following research problem is presented: How to assist in the employability practices of these prisoners in the labor market? Secondary data were used by means of biliographic research in books, scientific articles and websites. It is considered that the Patronato has an important role of social reintegration of prisoners, but the public policy practices are isolated making it difficult to real and effective action in the practices of the relocation of these graduates to the labor market and consequently to the society. Employability practices believe that the action of the Patronato as the psychosocial is a tool to assist companies in what refers to recruitment and selection, as it allows organizations to receive psychological and social information from the prisoner, facilitating trust in them. Finally, all public policy practice should be linked in networks, in order to facilitate referrals, monitoring and actions to accompany prisoners and their impact on society.

Autores

  • Geórgia da Cunha ben
  • Luciane Silva Franco
  • Antonio Carlos Franco
  • Josiane Medeiros